Sonhando com uma empresa gigante? Cogite trabalhar em uma startup

Por Egton Pajaro

Que tipo de carreira profissional você sonhou e delineou como objetivo a atingir?

Foto via Jobspotting

Nem sempre é fácil responder esta, aparente, simples indagação. Vários aspectos estão envolvidos e certamente inúmeras e complexas combinações vão confundi-lo neste árduo caminho.

A solidez, a maturidade e a aparente estabilidade frequentemente induz o profissional, as vezes inconscientemente, a perseguir e galgar espaço na hierarquia das grandes corporações, afinal são elas as locomotivas que movem o mundo empresarial, são elas que desenvolvem a aparente hegemonia por meio de grandes ações de marketing, distinguindo valores já consolidados e de fácil percepção pelo público, seja ele consumidor direto ou não de seus serviços e/ou produtos.

Não se pode desmerecer que durante muito tempo fomos moldados para trilhar um caminho único onde o sucesso profissional estava ligado a ascensão, preferencialmente como executivo, dentro de uma grande corporação. A subida meteórica de cargo em cargo – supervisor, gerente, diretor, e até mesmo sócio de uma empresa tem lá seus apelos, porém por vezes impõe um alto preço e afeta diretamente a vida pessoal de muitos.

Continuar lendo

Nos últimos anos, este tradicional modelo está sendo desafiado com o surgimento do notório fenômeno das startups, que tornou-se uma opção concreta com a quebra de inúmeros paradigmas de desenvolvimento da carreira profissional. Recentes estudos começam a explicar características próprias deste contexto, como carreira em Y e W – que identifica profissionais que querem ser especialistas em um determinado assunto e não desejam necessariamente chegar ao topo da empresa além de, por outro lado, valorizar com maior ênfase perfis comportamentais em detrimento às habilidades técnicas.

Startup não é necessariamente uma empresa de pequeno porte

Startups são empresas com modelo de negócios voltados para a tecnologia e inovação. São elas as responsáveis por iniciativas disruptivas que culminam nas mudanças de empresas tradicionais.

Essas empresas surgem normalmente com uma estrutura enxuta e contam com fundos de investimentos ou aportes financeiros de grupos que apostam na ideia, fazendo novas rodadas de captação de recursos. Exemplos não faltam, do Google ao Airbnb.

Hoje, algumas startups já estão presentes no mundo todo, pois trabalham com modelos de negócios escaláveis e de fácil replicação. E isso não quer dizer necessariamente que elas precisem de uma grande estrutura. É possível trabalhar com parceiros de negócios, como o modelo dos aplicativos de transporte.

Você vai aprender de tudo um pouco

Normalmente, a filosofia de trabalho é diferente de empresas tradicionais. Isso porque o profissional acaba participando de diversos projetos ao mesmo tempo, que envolvem áreas diversas.

Com estrutura modesta e horizontal, o profissional se vê diante de um colossal universo de possibilidades que dependendo da sua aptidão, atitude e vontade, o conecta com riquíssimas e únicas oportunidades de desenvolvimento profissional e pessoal que a princípio, estariam fora do escopo em uma avaliação preliminar. Dessa forma, é possível obter múltiplas habilidades. E isso permite inclusive que você se descubra em novas possibilidades ou mesmo trabalhe com atividades mais prazerosas, que certamente o diferenciarão no desempenho e entrega.

Use a startup como um estratégico trampolim

Se o seu desejo é de fato trabalhar em uma grande corporação, desenvolver o seu trabalho em uma startup pode ser estratégico ao acelerar o conhecimento e capacita-lo para converter ideias em ações práticas e assim lhe dar bagagem suficiente para uma carreira de sucesso nessas companhias. A visão holística e integrada, as habilidades práticas desenvolvidas, bem como a segurança para aplica-las com real domínio e pragmatismo, certamente o diferenciará da maioria dos profissionais que tem na teoria acadêmica sua principal e as vezes única referência para criar, desenvolver e gerenciar projetos.

É uma ótima experiência para quem quer empreender

No atual momento vivemos um boom de empreendedores graças aos alcances da tecnologia. Várias são as ferramentas hoje disponíveis, atalhando e/ou universalizando o surgimento de novas ideias como, por exemplo, o modelo O2O – online e offline, que integra o mundo real e digital.

Para aqueles que sentem conforto com o novo, estar em contato com um ambiente jovem, ágil e cheio de ideias inovadoras pode estimula-lo a se tornar empreendedor também. Se já pensou em trabalhar em uma grande empresa, a passagem por uma startup pode mudar sua perspectiva. Você pode vivenciar diferenciadas e criativas formas de abordagem e aprender muito antes de ter seu próprio negócio, e quem sabe, se tornar um empresário de sucesso.

De fato, existem inúmeras vantagens em iniciar sua carreira em uma startup, são diversos caminhos e possiblidades a serem avaliados. Você pode até mudar de ideia e seguir em uma empresa inovadora como esta ou mesmo empreender – Amplie seus horizontes!

Deixe seu comentário

comentários